Bem-vindo à BOL. O nosso site usa cookies e outras tecnologias para personalizar a sua experiência e compreender como você e os outros visitantes usam o nosso site.
Para ver uma lista completa das empresas que usam estes cookies e outras tecnologias e nos informar se podem ou não ser utilizadas no seu dispositivo, aceda à nossa página de política de cookies.

Concordo
Distrito Sala
Detalhe Evento
HIP. A PUSSY POINT OF VIEW

HIP. A PUSSY POINT OF VIEW

Teatro & Arte | Dança Contemporânea

Teatro Viriato

Sala Principal
Classificação Etária
Maiores de 16 anos
Bilhete Pago
A partir dos 3 anos
2022
jan
19
Realizado

Duração

60 minutos

Intervalo

Sem Intervalo.

Promotor

Centro Artes Espectáculo de Viseu, Assoc. Cult. Pedag.

Sinopse

Manifesto. Cru, rude, de dúvida e poder. Ponho na arena o espaço pélvico como tabu, como produtor de movimento, como espaço físico que contém órgãos reprodutores, sexuais, orifícios e zonas erógenas. Trauma e prazer.
É um combate, entretenimento, um clube, um espaço sagrado, um cabaret, um quarto. É um grito de explosão contido sobre o privado e o público, os rituais de antes e de hoje; tudo sem geografia definida, a não ser a do corpo. Faço descer a Vénus de Hottentot e assumo o poder que lhe foi retirado e também a dor profunda da exposição a que foi sujeita. Agarro e transformo. Viajo pelo tempo, pelo feminino e masculino de ser mulher num espaço social e político de poder e vulnerabilidade, na reivindicação de liberdade, diversão, prazer e dor. É a reclamação do espaço do(s) corpo(s), a libertação do medo deixando o corpo à frente na luta.
PINY

Ousada e febril, o solo de Anaísa Lopes (a.k.a. Piny) é um exame indutor de transe do corpo da mulher com foco em seu núcleo mais sagrado e violado: o espaço pélvico, como diz a criadora. Explorando arquétipos históricos da objetificação feminina e da sexualidade, como Saartjie Baartman (infamemente conhecido como Vénus de Hottentot), e ícones da dança do ventre, "HIP. A Pussy Point of View" remete-nos às reencarnações YouTubeera (os corpos femininos hipersexuais do hip-hop e de outras cenas da música urbana, e mais especialmente do funk brasileiro, um género muito difundido em alguns contextos portugueses), convidando todos os tipos de física, digressões etológicas, estéticas, sociais e políticas. No geral, é uma jornada fascinante e animada ao funcionamento interno de um corpo feminino dançante, considerado tanto uma zona erógena quanto uma zona de guerra. Ou você a experimenta como uma afirmação direta sobre o poder da pelve, apesar de todos os traumas e agressões infligidas a ela desde tempos imemoriais, ou como uma celebração contagiante e alegre de suas possibilidades infinitas, HiP. A Pussy Point of View é absolutamente imperdível.
INÊS NADAIS
in PT.21, Portuguese Platform for Performing Arts

Ficha Artística

Conceito, coreografia, interpretacao e HIPzine Piny
Sonoplastia Pedro Coquenao
Design de iluminacao Carolina Caramelo
Edicao vídeo Maria Antunes
Figurinos Veronique Divine e Piny Pesquisa de danca com Blaya, Louise L'Amour, Catarina Branco, Stella Capapelo, Carina Russo, Ariane Magri
Coproducao Teatro Municipal do Porto / DDD - Festival Dias da Danca Residencias artisticas Teatro Municipal do Porto - Teatro do Campo Alegre; O Espaço do Tempo, Estúdio Victor Córdon - Residências Artísticas

Informações Adicionais

Espetáculo acessível com Audiodescrição


O espetáculo contém cenas de nudez

-
Partilhar
Pólo Teatro Viriato - Senhora
Pólo Teatro Viriato - Senhora CAE Viseu - A.C.P. Pólo piquet • 100% Algodão penteado • gola e parte inferior das mangas em canelado • fita de reforço na gola Estilo : FEMININO Corte justo- Carcela com botões da mesma cor - corte direito na parte inferior do artigo com aberturas laterais - cortado e cosido Mais Info Comprar
Revista Boa União 2
Pólo Teatro Viriato - Homem
Pólo Teatro Viriato - Homem CAE Viseu - A.C.P. 100% Algodão penteado • gola e parte inferior das mangas em canelado • fita de reforço na gola Estilo : CLÁSSICO Mais Info Comprar
Revista Boa União 4
Estojo porta-lápis
Revista Boa União 1

Serviços Adicionais

Veja ainda:

Pólo Teatro Viriato - Senhora

Merchandising

CAE Viseu - A.C.P.

Revista Boa União 2

Livros

CAE Viseu - A.C.P.